Números

Bamidbar

Capítulo 5

1E o יהוה falou a Moshê, dizendo:
2Manda aos filhos de Israel que expulsem do acampamento a todo metsorá, e a todos os que sofrem de corrimento, e a todo contaminado sobre morto:
3Tanto homens como mulheres lançareis, fora do acampamento os expulsareis; para que não contaminem o acampamento daqueles entre os quais eu habito.
4E fizeram-no assim os filhos de Israel, que os lançaram fora do acampamento: como o יהוה disse a Moshê, assim o fizeram os filhos de Israel.
5Também falou o יהוה a Moshê, dizendo:
6Fala aos filhos de Israel: O homem ou a mulher que cometer algum de todos os pecados dos homens, fazendo transgressão contra o יהוה, e transgredir aquela pessoa;
7Confessarão seu pecado que cometeram, e compensarão sua ofensa inteiramente, e acrescentarão seu quinto sobre ele, e o darão a aquele contra quem pecaram.
8E se aquele homem não tiver parente ao qual seja ressarcida a ofensa, se dará a indenização da injustiça ao יהוה, ao Sacerdote, a mais do carneiro das expiações, com o qual fará expiação por ele.
9E toda oferta de todas as coisas santas que os filhos de Israel apresentarem ao Sacerdote, sua será.
10E o santificado de qualquer um será seu: também o que qualquer um der ao Sacerdote, seu será.
11E o יהוה falou a Moshê, dizendo:
12Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: Quando a mulher de alguém se desviar, e fizer traição contra ele,
13Que alguém se houver deitado com ela em carnal ajuntamento, e seu marido não o houvesse visto por haver-se ela contaminado ocultamente, nem houver testemunha contra ela, nem ela houver sido pega no ato;
14Se vier sobre ele espírito de ciúme, e tiver ciúmes de sua mulher, havendo-se ela contaminado; ou vier sobre ele espírito de ciúme, e tiver ciúmes de sua mulher, não havendo ela se contaminado;
15Então o marido trará sua mulher ao Sacerdote, e trará sua oferta com ela, a dízima de um efa de farinha de cevada; não lançará sobre ela azeite, nem porá sobre ela incenso: porque é presente de ciúmes, presente de recordação, que traz o pecado em memória.
16E o Sacerdote a fará aproximar, e a fará pôr diante do יהוה.
17Logo tomará o Sacerdote da água santa em um vaso de barro: tomará também o Sacerdote do pó que houver no chão do Tabernáculo, e o lançará na água.
18E fará o Sacerdote estar em pé à mulher diante do יהוה, e descobrirá a cabeça da mulher, e porá sobre suas mãos o presente da recordação, que é o presente de ciúmes: e o Sacerdote terá na mão as águas amargas que trazem maldição.
19E o Sacerdote a fará jurar, e lhe dirá: Se ninguém houver dormido contigo, e se não te afastaste de teu marido à imundícia, livre sejas destas águas amargas que trazem maldição:
20Mas se te desviaste de teu marido, e te contaminaste, e alguém houver tido relação contigo, fora de teu marido:
21(O Sacerdote fará jurar à mulher com juramento de maldição, e dirá à mulher): O יהוה te dê em maldição e em conspiração em meio de teu povo, fazendo o יהוה a tua coxa que caia, e a teu ventre que se te inche;
22E estas águas que dão maldição entrem em tuas entranhas, e façam inchar teu ventre, e cair tua coxa. E a mulher dirá: Amém, Amém.
23E o Sacerdote escreverá estas maldições em um livro, e as apagará com as águas amargas:
24E dará a beber à mulher as águas amargas que trazem maldição; e as águas que operam maldição entrarão nela por amargas.
25Depois tomará o Sacerdote da mão da mulher o presente dos ciúmes, e o moverá diante do יהוה, e o oferecerá diante do altar:
26E tomará o Sacerdote um punhado do presente, em memória dela, e o queimará sobre o altar, e depois dará a beber as águas à mulher.
27Dará a ela pois a beber as águas; e será, que se for imunda e houver feito traição contra seu marido, as águas que operam maldição entrarão nela em amargura, e seu ventre se inchará, e cairá sua coxa; e a mulher será por maldição em meio de seu povo.
28Mas se a mulher não for imunda, mas sim que estiver limpa, ela será livre, e será fértil.
29Esta é a lei dos ciúmes, quando a mulher fizer traição a seu marido, e se contaminar;
30Ou do marido, sobre o qual passar espírito de ciúme, e tiver ciúmes de sua mulher: ele a apresentará então diante do יהוה, e o Sacerdote executará nela toda esta lei.
31E aquele homem será livre de iniquidade, e a mulher levará seu pecado.
010203040506070809101112131415161718192021222324252627282930313233343536